Title

Periodontal disease as a risk factor for development of premature and low birth weight babies

ORCiD

Ana C. Morandini: 0000-0003-4749-571X

Document Type

Conference Presentation

Conference Title

III Congresso Internacional de Odontologia e XII Jornada Odontológica de Piracicaba

Location

Piracicaba, São Paulo, Brazil

Conference Dates

October 3-7, 2005

Date of Presentation

10-6-2005

Abstract

É sabido há tempos que alguns fatores de risco como cigarro, álcool e drogas contribuem para o acontecimento de partos prematuros (aqueles que ocorrem antes de completar 37 semanas de gestação) e bebês de baixo peso. Hoje evidências têm mostrado um novo fator de risco, a doença periodontal. Grávidas que estão com doença periodontal podem apresentar um risco de sete vezes maior de terem um bebê prematuro e de baixo peso. Partos prematuros aumentam o risco de morte e doenças permanentes como retardo mental, paralisia cerebral, problemas de pulmão e gastrointestinal, perda de visão e de audição. Como alguns mediadores inflamatórios que ocorrem na doença periodontal também têm papel importante no trabalho de parto, há mecanismos biológicos plausíveis que podem unir as duas condições. O mecanismo que leva ao parto prematuro é a alta produção de prostaglandina especialmente prostaglandina E2 presente na doença periodontal. Esta é responsável pelo aumento da concentração de receptores de ocitocina, hormônio que induz ao parto. Um grande problema que enfrentamos hoje é o desconhecimento deste fato pela gestante e pelo médico também, que muitas vezes desaconcelham as grávidas de procurarem tratamento odontológico. O tratamento odontológico não-cirúrgico (raspagem e alisamento radicular) pode reduzir o risco de partos prematuros em mulheres com doença periodontal.

This document is currently not available here.

Share

COinS